quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Apressa-te




Antes fosse daqui pr'a frente
Do que um mar diante.
Apressa-te.
As águas não esperam
 o renascer
do amante.

sexta-feira, 15 de julho de 2016

Vai




De aprazível, ninguém chama.
Quem dera afável,
Engana.

Vai com fé
Em quem vier
Em quem  merecer

Banha-te nessas águas imundas.
Doa em quem doer.



quinta-feira, 14 de abril de 2016

Migalha






Do que é,
Ao que foi,
Jamais será.

E quando vens,
cumprimenta.
Não deixa a voz
calar
sobrar
desmerecer.

Não me(n)diga poesias
se só migalhas
Tens a me oferecer.


domingo, 13 de março de 2016

Disforme






Quem te forma
Informa
que essa fome
familiariza
A fossa

Falando assim
Fuçando
Chafurdando
os f's.

Feio
Disforme.
Foda-se.
Fede.