quarta-feira, 15 de julho de 2015

Eu te odeio





Eu te odeio.
Mas só enquanto eu respirar.
Apenas até os pássaros pararem
de cantar.

Te odio
Pelo teu dom.
pelo tom
das suas cores
Por ser tão liquido
depois de tudo que se fez.

Je te hais
Ich hasse dich
I hate you.
No idioma que bem entender.



2 comentários:

Yhanndra Silva disse...

Que poema lindo! Parabéns o/ chocante, sem palavras aqui.

Carlos Anderson disse...

Poxa cara, é a maneira mais ignorante de se gostar de um poema!
Muito bom esse! Espero que escrevas mais!
Também tenho um blog, quando quiser dar uma passadinha, só deixar comentários!
Abraço cara, mais uma vez: parabéns! E bonito poema! ´=)
Até...