quinta-feira, 17 de dezembro de 2009



E nem me importo se meu rosto não é visível
Pois não quero que você me veja.
Desejo apenas que sinta, que pense, que fale
Do nosso amor.

Que as nossas fotos escuras
Por hj
Tornem-se Flor.

Um comentário: